51.3750.1122

Vale do Sol vai adquirir equipamentos para unidades de saúde


Publicado em 02/04/2018 Saúde Meio Ambiente e Assistência Social Fonte: Assessoria de Comunicação/Priscila Oliveira

Em março a Prefeitura de Vale do Sol recebeu um repasse de R$ 299.960,00 para aquisição de equipamentos médicos a serem disponibilizados às unidades de saúde do município.


Em março a Prefeitura de Vale do Sol recebeu um repasse de R$ 299.960,00 para aquisição de equipamentos médicos a serem disponibilizados às unidades de saúde do município. O repasse é do Ministério da Saúde, por meio de emendas parlamentares da Senadora Ana Amélia Lemos e do Deputado Federal José Otávio Germano.

Os recursos foram solicitados por ocasião da viagem do prefeito Maiquel Silva a Brasília em fevereiro de 2017, atendendo também um pedido da Secretária de Saúde, Beatriz Krainovic.

Os materiais a serem adquiridos, que totalizam 79 equipamentos, devem fazer parte do cadastro Relação Nacional de Equipamentos Médicos (RENEM), atendendo uma especificação que é determinada pelo Ministério da Saúde, que informa também os preços de referência para sua aquisição. O ESF Anita Garibaldi, de Alto Trombudo, será contemplado com 14 equipamentos, dentre os quais estão listados uma câmara de conservação de imubiológicos, ar condicionado, seladora, um veículo, bebedouro, poltrona, oxímetro, esfigmomanômetro, estetoscópio e nebulizador portátil. Para o ESF de Faxinal de Dentro está destinada a aquisição de poltrona, bebedouro, oxímetro, um veículo e dois nebulizadores, num total de seis equipamentos. Os ESFs Raios de Sol e Verdes Vales, do Centro, receberão um total de 59 equipamentos: foco refletor, armários, equipamentos de informática, câmara de conservação de imunobiológicos, poltronas, ar condicionado, cadeiras de roda, veículo, estadiômetro, oxímetro, esfigmomanômetro, mesa de mayo e mesa de exames.

A Senadora Ana Amélia destinou um total de R$ 100 mil e o Deputado José Otávio Germano destinou R$ 200 mil, sendo ambos destinados apenas para equipamentos para uso em atenção básica de saúde. O procedimento licitatório definirá as empresas que serão os fornecedores dos equipamentos, que poderão ser adquiridos parcialmente por adesão ao registro de preços do Ministério da Saúde. A listagem dos equipamentos necessários foi apresentada pelo Município e aprovada pelos técnicos do Fundo Nacional de Saúde em abril de 2017. Desde aquela data a Prefeitura aguardava o pagamento da proposta, o que ocorreu em 9 de março, dentro do Programa de Estruturação da Rede de Serviços de Atenção Básica de Saúde, desenvolvido pelo Ministério da Saúde.